[1]
V. Pollo y H. Ferreira da Silva, «“QUEM SABE EU AINDA SOU UMA GAROTINHA?!” NOTAS SOBRE A ADOLESCÊNCIA DAS MENINAS, SEUS SINTOMAS E A RELAÇÃO MÃE/FILHA.», Affectio, vol. 12, n.º 23, pp. 101-115, jul. 2015.