Conhecimentos, habilidades e atitudes sobre a gestão dos formados de enfermagem de uma universidade pública brasileira

Maria de Lourdes de Almeida, Aida Maris Peres.

RESUMO


Objetivo. Identificar nos formados de uma universidade pública brasileira os conhecimentos, habilidades e atitudes aprendidos durante a formação para a gestão em enfermagem. Metodologia. Investigação de tipo transversal realizada em 2010 na que participaram 37 formados do programa de enfermagem. Utilizouse um questionário para a tomada de informação que incluiu variáveis socioeconmicas e de conhecimentos, habilidades e atitudes relacionadas com as matérias de gestão recebidas durante a formação de pré-graduação; estas últimas variáveis foram medidas com perguntas com opções de resposta tipo Likert. Os dados foram processados e analisados em Excel. Resultados. Os recém formados manifestam ter suficientes conhecimentos, consideram-se hábeis e com atitudes favoráveis no área de gestão; em mudança os formados com maior experiência trabalhista, ainda que consideram que têm suficiente conhecimento, sua habilidade é média e reportam uma atitude desfavorável para a gestão. Conclusão. Os conhecimentos, atitudes e habilidades do recém formado para a gestão são diferentes ao de maior experiência profissional. A prática profissional poderia fazer mudar a percepção dos enfermeiros frente à gestão.

 

Palavras chaves: estudos de avaliação; cuidadores; doença crnica; tecnologia da informação; apoio social.


Texto Completo: ABSTRACT RESUMEN PDF (PORTUGUÊS) HTML (PORTUGUÊS)