Comunicação, mito e sincronicidade: um olhar sobre a obra de Mircea Eliade

Authors

  • Carolina Moura Klautau Cásper Líbero College

Keywords:

communication, comprehension as a method, Mircea Eliade, myth, narratives

Abstract

This is a comprehensive gaze upon mythologist Mircea Eliade’s works The myth of the eternal return and The sacred and the profane. Mythical narratives originated in different cultures are more connected by meaning than by cause and effect logics. Thus, in this paper we understand myth and communication as two ways of guidance in the world, also adding Carl  Gustav  Jung’s  and  Wolfgang  Pauli’s  notion  of  synchronicity  as  a  possible  key  for  connections  between  myths.  In  the  comprehension  as  a  method’s  process  of  “weaving  together”,  we  establish  dialogues  with different forms of knowledge in our route – myth, communication, psychiatry  and  modern  physics.  Cremilda  Medina,  Joseph  Campbell  and Dimas Künsch lend us their perceptions in this work.

|Abstract
= 153 veces | PDF (ESPAÑOL (ESPAÑA))
= 141 veces|

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biography

Carolina Moura Klautau, Cásper Líbero College

Master in Communication from Cásper Líbero College. Graduated in Social Communication with a degree in Journalism from the Federal University of Pará

References

ARAÚJO, Alberto Filipe; BERGMEIER, Horst. 2013. Jung e o tempo de Éranos. Do sentido espiritual e pedagógico do Círculo de Eranos. @mbienteeducação. São Paulo, v. 6, n.1, p. 94-112., jan/jun. Disponible en: <https://repositorium.sdum.uminho.pt/bitstream/1822/28048/1/educacao_94-112.pdf> [consultado el 27 abril 2018].

BARBOSA, Marialva Carlos. 2009. Comunicação e história: presente e passado em atos narrativos. Comunicação, mídia e consumo. São Paulo, v. 6 n. 16, p. 11-27. Disponible en: <http://revistacmc.espm.br/index.php/revistacmc/article/view/154> [consultado el 27 abril 2018].

CAMPBELL, Joseph. 2007. O herói de mil faces. São Paulo: Pensamento.

CAPRIOTTI, Letícia. 1998. Jung e sincronicidade: a construção do conceito. Symbolon [S.l.]. Disponible en: <http://www.symbolon.com.br/artigos/jungesicroni1.htm> [consultado el 30 oct. 2018].

CHAUÍ, Marilena. 2000. Convite à filosofia. São Paulo: Ática.

ELIADE, Mircea. 2010. O sagrado e o profano: a essência das religiões. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes.

ELIADE, Mircea. 1992. Mito do eterno retorno. São Paulo: Mercuryo.

GRINBERG, Luiz Paulo. 1997. Jung: o homem criativo. São Paulo: FTD.

JUNG, Carl Gustav. 2016. Sincronicidade. 21. ed. Petrópolis: Vozes.

JUNG, Carl Gustav. 2012. Símbolos da transformação. 8. ed. Petrópolis: Vozes. (OC; 5).

KLAUTAU, Carolina Moura. 2018. Jornalismo, incerteza e complementaridade de opostos: um diálogo compreensivo. 268 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Faculdade Cásper Líbero.

KÜNSCH, Dimas. 2005. Comprehendo ergo sum: epistemologia complexo-compreensiva e reportagem jornalística. Communicare. São Paulo, v. 5, n. 1, p. 43-54.

KÜNSCH, Dimas; CARRARO, Renata; KLAUTAU, Carolina. 2018. Jornalismo interpretativo e a compreensão como método: o abraço entre o antigo e o novo na arte de tecer o presente. En: Vozes em diálogo: estudos de comunicação contemporânea. São Bernardo do Campo, SP: Editora Metodista. [no prelo]

KÜNSCH, Dimas; KLAUTAU, Carolina. 2017. Jornalismo e Compreensão: uma aposta da ciência que está por vir. En: Seminário da Associação Latino-americana de Pesquisadores da Comunicação, 9, 2017, Goiânia. Caderno de Resumos. Goiânia: Alaic.

KÜNSCH, Dimas; MENEZES, José Eugênio; PASSOS, Mateus Yuri. 2017. Conhecimento, compreensão e cultura: aspectos intersubjetivos e epistemológicos da compreensão como método. In: Encontro Anual da Compós, 26, São Paulo. Anais do 26° Encontro Anual da Compós. São Paulo: Compós, p. 1-23. Disponible en: <http://www.compos.org.br/data/arquivos_2017/trabalhos_arquivo_VM6PB76816RZN2YHLBIA_26_5809_24_02_2017_09_56_35.pdf> [consultado el 27 abril 2018].

LANGER, Johnni. 2013. Cometas, eclipse e Ragnarök: uma interpretação astronômica da escatologia nórdica pré-cristã. Mundo Antigo. Campos dos Goytacazes, ano II, v. 2, n. 4, p. 67-91. Disponible en: <http://www.nehmaat.uff.br/revista/2013-2/artigo03-2013-2.pdf> [consultado el 27 abril 2018].

LANGER, Susanne. 2004. Filosofia em nova chave. São Paulo: Perspectiva.

LIMA, Gerson Moreira. 2002. Jornalismo interpretativo: a alternativa para o dilema imposto pela mídia digital. 255 f. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação) – Universidade de São Paulo.

LIMA, Jorge Antônio Monteiro de. 2015. Transdisciplinaridade na obra de C. G. Jung e suas influências na atualidade. Plurais. Anápolis, v. 5, n. 1, p. 61-80, jan./jun. Disponible en <http://www.revista.ueg.br/index.php/revistapluraisvirtual/article/view/5195/3466> [consultado el 27 abril 2018].

MAFFESOLI, Michel. 2007. O conhecimento comum: introdução a uma sociologia compreensiva. Porto Alegre: Sulina.

MEDINA, Cremilda. 2003. A arte de tecer o presente: narrativa e cotidiano. São Paulo: Summus.

MEDINA, Cremilda; LEANDRO, Paulo Roberto. 1973. A arte de tecer o presente: jornalismo interpretativo. São Paulo: Edição dos Autores.

SHELDRAKE, Rupert. 2013. Por uma ciência livre de dogmas: depoimento. Tríade, Sorocaba, SP, v.1, n.2, p.427-458, dez. Entrevista concedida à Mônica Martinez.

Published

2019-05-11

How to Cite

Klautau, C. M. (2019). Comunicação, mito e sincronicidade: um olhar sobre a obra de Mircea Eliade. Folios, Revista De La Facultad De Comunicaciones Y Filología, (39), 47–63. Retrieved from https://revistas.udea.edu.co/index.php/folios/article/view/338464

Issue

Section

Artículos

Similar Articles

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 > >> 

You may also start an advanced similarity search for this article.