Batista Junior, J. R., Sato, D. T. B., Melo, I. F. (Orgs.) (2018). Análise de Discurso Crítica para Linguistas e não Linguistas. São Paulo: Parábola, 224 pp.

  • Antonio Escandiel de Souza Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ
  • Carla Rosane Da Silva Tavares Alves Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ
  • Ana Luisa Moser Keitel Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ
|Resumen
= 52 veces | PDF
= 40 veces|

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor/a

Antonio Escandiel de Souza, Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ

Possui Doutorado em Letras (Linguística Aplicada) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS (2009), Mestrado em Letras (Estudos Linguísticos) pela Universidade Federal de Santa Maria, UFSM (Brasil), Especialização em Linguística textual pela Universidade de Cruz Alta, UNICRUZ (Brasil) e graduação em Letras - Habilitação Português / Inglês, pela Universidade de Cruz Alta (Brasil). Professor titular iii na Universidade de Cruz Alta – UNICRUZ (Brasil) desde 1997, tem experiência na área de Linguística (Linguística Aplicada), desenvolvendo pesquisas com ênfase na relação entre linguagem e sociedade, estudos que objetivam aproximar o contexto universitário da sociedade e da escola de educação básica, principalmente a escola pública. Atualmente é docente e coordenador adjunto do referido PPG, atuando na linha de pesquisa Linguagem, comunicação e sociedade e ministrando as disciplinas de Linguagem e Sociedade, Docência no ensino superior e Seminário de Pesquisa i. Exerce a função de Editor Gerente da Revista Di@logus, periódico do PPG em Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social. É conselheiro suplente do Conselho Curador da Universidade de Cruz Alta – UNICRUZ (Brasil). Atua como avaliador ad hoc do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (BASIS) pelo INEP/MEC.

Carla Rosane Da Silva Tavares Alves, Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ

Possui graduação em Letras-Português/Inglês e respectivas Literaturas pela Associação de Professores de Cruz Alta - APROCRUZ (Brasil), graduação em Direito pela Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ (Brasil), mestrado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS (Brasil) e doutorado em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS (Brasil). É Professora Titular III da Universidade de Cruz Alta – UNICRUZ (Brasil). Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Teoria da Literatura, Literatura Brasileira, Literatura Hispano-americana, Língua Portuguesa e Linguagem e Argumentação Jurídica. Na área de pesquisa, desenvolve projetos no âmbito da Literatura Comparada e estudos de gênero e crítica feminista (PIBIC, PAPCT/UNICRUZ, ARD - Auxílio Recém-Doutor - FAPERGS), bem como de representações socioculturais, através da linguagem. Atualmente é Coordenadora do PPG em Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social da Universidade de Cruz Alta – UNICRUZ (Brasil), em sua segunda gestão, atuando na linha de pesquisa Linguagem, comunicação e sociedade, ministrando as disciplinas de Representações Culturais: Literatura e Cinema, Linguagem e Sociedade, Seminário de Pesquisa i e Seminário de Pesquisa ii. Mediadora Judicial Cível.

Ana Luisa Moser Keitel, Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Práticas Socioculturais e Desenvolvimento Social pela Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ (Brasil). Possui graduação em Direito pela Universidade de Cruz Alta - UNICRUZ (Brasil). Pesquisadora do Grupo de Estudos Linguísticos - GEL/UNICRUZ (Brasil). Pesquisadora do Grupo de Estudos Jurídicos - GPJUR/UNICRUZ (Brasil). Bolsista de mestrado na modalidade de taxa CAPES (Brasil). Advogada inscrita na OAB/RS sob o n.º 112.439. Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direito, atuando principalmente nos seguintes temas: linguagem, simplificação, justiça, direito de família, direito sucessório, direito do consumidor, direito penal.

Citas

1. Fairclough, N. (1989). Language and Power. New York: Longman.
2. Fairclough, N. (2001). Discurso e Mudança Social (Tradução de Izabel Magalhães). Brasília: Editorial. Universidade de Brasília.
3. Fairclough, N. (2006). Language and Globalization. London: Routledge.
4. Rajagopalan, K. (2002). Linguagem e cognição do ponto de vista da Linguística Crítica. Veredas Revista de Estudos Linguísticos, 6(1), 91-104, Juiz de Fora.
Publicado
2021-07-30
Cómo citar
de Souza A. E., Da Silva Tavares Alves C. R., & Moser Keitel A. L. (2021). Batista Junior, J. R., Sato, D. T. B., Melo, I. F. (Orgs.) (2018). Análise de Discurso Crítica para Linguistas e não Linguistas. São Paulo: Parábola, 224 pp. Lingüística Y Literatura, 42(80), 385-389. https://doi.org/10.17533/udea.lyl.n80a23