Knowledge, skills, and attitudes towards management of nursing.

  • Maria de Lourdes de Almeida Enfermeira, Mestre em Enfermagem pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Paraná, bolsista da Fundação Araucária do Paraná. Membro do Grupo de Pesquisa Políticas, Gestão e Práticas de Saúde. Professora do Curso de Enfermagem da Universidade do Oeste do Paraná, Brasil. email: m_lourdesdealmeida@yahoo.com.br.
  • Aida Maris Peres Enfermeira, Doutora em Enfermagem. Professora na Área de Administração em Enfermagem do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal do Paraná. Vice-líder do Grupo de Pesquisa Políticas, Gestão e Práticas de Saúde. Universidade do Oeste do Paraná, Brasil. email: aidamaris.peres@gmail.com
Keywords: Education, Nursing; professional competence; competency-based education; management; attitude.

Abstract

Objective. To identify knowledge, skills and attitudes in nursing management, learned during education, in graduates of a Brazilian public university.

Methodology. Cross sectional study carried out in 2010. 37 graduates of the nursing program participated. A questionnaire was used to get the information, which included socio-economical and knowledge variables, skills and attitudes linked to management subjects studied during undergraduate education. The latter variables were measured with questions Likert like answers. Data were processed and analyzed in Excel.

Results. Recent graduates manifested having enough knowledge, they consider themselves skillful and with favorable attitudes in the management field. Graduates with higher job experience, even though they consider they have enough knowledge, their skills are half and they report an unfavorable attitude towards management.

Conclusion. Knowledge, attitudes, and abilities of recent graduates towards management are different to the ones with higher professional experience. Professional practice could change the perception nurses have towards management.

|Abstract
= 22 veces | RESUMEN
= 0 veces| RESUMO
= 0 veces| PDF (ESPAÑOL (ESPAÑA))
= 7 veces| PDF (PORTUGUÊS)
= 34 veces| PDF (PORTUGUÊS (BRASIL))
= 1 veces| HTML (PORTUGUÊS)
= 3 veces|

Downloads

Download data is not yet available.

References

(1) Bernardino E, Oliveira E, Ciampone MHT. Preparando enfermeiros para o SUS: o desafio das escolas formadoras. Rev Bras Enferm. 2006;59(1): 3 6-40.

(2) Brasil. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Institui as diretrizes curriculares nacionais do curso de graduação em Enfermagem. Brasília (DF); 2001.

(3) Lourenção DC, Benito G A. Competências gerenciais na formação do enfermeiro. Rev Bras Enferm. 2010;63(1):91-7.

(4) Tronchin DMR, Gonçalves VLMira, Leite MMJ, Melleiro MM. Instrumento de avaliação do aluno com base nas competências gerenciais do enfermeiro. Acta Paul Enferm. 2008;21(2):356-60.

(5) Fernandes JD. Diretrizes curriculares e estratégias para implantação de uma nova proposta pedagógica. Rev Esc Enferm USP. 2005;39(4):443-9.

(6) Ribeiro FG. Recrutamento e seleção do recém-formado em enfermagem. Nursing (São Paulo) [Internet] 2009; . [acesso: 2009, sep 27];137. Disponível em: http://www.nursing.com.br/article.php?a=717

(7) Ciampone MHT, Kurcgant P. Gerenciamento de Conflitos e Negociação. In: Kurcgant P. coordenadora. Gerenciamento em Enfermagem. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2010. p. 51-62.

(8) Caetano FC. Mudança, negociação e decisão no processo de trabalho da enfermagem. In: Cunha K. coordenadora. Gestão de pessoas: foco na Enfermagem atual. São Paulo: Martinari; 2008. p. 80-97.

(9) Piloto AMD. Perfil de competência do enfermeiro para a liderança e supervisão na Enfermagem. In: Cunha K C, coordenadora. Gestão de Pessoas: foco na Enfermagem atual. São Paulo: Martinari; 2008. p. 64-9.

(10) Vieira APM, Kurcgant P. Indicadores de qualidade no gerenciamento de recursos humanos em enfermagem: elementos constitutivos segundo percepção de enfermeiros. Acta Paul Enferm. 2010;23(1):11-5.

(11) Felli V EA, Peduzzi M. O trabalho gerencial em Enfermagem. In: Kurcgant P. coordenadora. Gerenciamento em Enfermagem. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2010. p.1-12.

(12) Dutra JS. Prefacio. IN: Balsanelli, Cunha I, Feldman LB. Competências gerenciais: desafio para o enfermeiro. São Paulo: Martinari; 2008. p.11-3.

(13) Peterlini OLG, Zagonel IPS. O sistema de informação utilizado pelo enfermeiro no gerenciamento do processo de cuidar. Texto & Contexto Enferm. 2006,15(3):418-26.

(14) Ciampone MHT, Melleiro MM. O planejamento e o processo decisório como instrumentos do processo de trabalho gerencial. In: Kurcgant P. coordenadora. Gerenciamento em Enfermagem. 2a ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2010. p. 35-62.

(15) Motta ALC. Auditoria de Enfermagem nos hospitais e operadoras de planos de saúde. 5a ed. rev. e atual. São Paulo: Iátria; 2010.

(16) Francisco IM, Castilho V. A inserção do ensino de custos na disciplina de administração aplicada a Enfermagem. Rev Esc Enferm USP. 2006;40(1):13-9.

(17) Kurcgant P, Massarollo CKB. Cultura e Poder nas organizações de saúde. In: Krcgant. Coordenadora. Gerenciamento em Enfermagem. 2a ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2010.

(18) Peres AM, Ciampone MHT. Gerência e competências gerais do enfermeiro. Texto & Contexto Enferm. 2006;15(3):492-9.

(19) Malangón Plata LA. El currículo: perspectivas para su interpretación. Invest Educ Enferm. 2008; 26(2 supl):136-42.

(20) Barbosa de Sousa L, Rejane Ferreira Moura E, Teixeira Barroso MG. Promoción de un ambiente de aprendizaje positivo. Invest Educ Enferm. 2008;26(2 supl):106-12.

Published
2012-04-10
How to Cite
Almeida M. de L. de, & Peres A. M. (2012). Knowledge, skills, and attitudes towards management of nursing. Investigación Y Educación En Enfermería, 30(1). Retrieved from https://revistas.udea.edu.co/index.php/iee/article/view/7823
Section
ORIGINAL ARTICLES / ARTÍCULOS ORIGINALES / ARTIGOS ORIGINAIS